Concessionários insensíveis debocham dos manifestantes em BH

Mesmo após onda de manifestações, os concessionários de ônibus recusam-se a diminuir seus ganhos para viabilizar a redução na passagem de ônibus em BH e na Região Metropolitana. Encurralado conforme matéria; “Porque Aécio não conta a verdade sobre as tarifas de ônibus”, o governador Anastasia recusa-se a discutir qualquer diminuição da tarifa da Região Metropolitana gerenciada pelo DER-MG.

Já o prefeito Marcio Lacerda promete enviar para a Câmara projeto de lei que propõe a isenção do Imposto Sobre Serviços (ISS, sem, contudo mexer no ganho dos concessionários.

images

Em nota divulgada pela prefeitura nesta quarta-feira (19), o prefeito Marcio Lacerda anunciou que:

“vai enviar para a Câmara Municipal um projeto de lei que propõe a isenção do Imposto Sobre Serviços (ISS) na incidência dos custos do transporte coletivo. A medida tem como objetivo tentar viabilizar a redução dos preços da tarifa do transporte coletivo em Belo Horizonte”.

Ainda de acordo com a nota, a prefeitura está finalizando a elaboração do projeto e, nesta quinta-feira (20), vai apresentar os detalhes da proposta.  A reportagem do Novojornal desde ontem tenta contato com o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Belo Horizonte (SetraBH) e Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros Metropolitano (Sintram), mas ninguém foi encontrado para comentar o assunto.

Anúncios
Esse post foi publicado em Notícias e política. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s