Diretores de Ong oferecem R$ 10 mil a delegada e são presos, em Ribeirão das Neves

Dois diretores de uma Organização Não Governamental (Ong), que leva o nome de Instituto Meio Ambiente, foram presos pelo crime de suborno, na manhã desta segunda-feira (19), em Ribeirão das Neves, na região metropolitana de Belo Horizonte. Segundo a delegada Sandra de Oliveira Silva,  os indivíduos foram até a delegacia e lhe ofereceram uma quantia de R$ 10 mil para que não fosse aberto um inquérito contra uma serralheria localizada em Justinópolis.

Os diretores da Ong, João Batista Barbosa Mangabeira e Clarismundo José de Moura, estavam portando uma carteira de identificação falsa de pastor e uma de servidor da Justiça Federal. De acordo com a Polícia Civil, também foi constatado um mandado de prisão em aberto para Clarismundo, pelo crime de roubo. Já João Batista se passava por advogado e por policial civil aposentado.

Segundo a Polícia Civil, Clarismundo José de Moura possui passagem por assalto a mão armada e estelionato.

Anúncios
Esse post foi publicado em Notícias e política. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s